quinta-feira, 12 de abril de 2012

Feridas


O lado de fora não reflete o que há por dentro.

As cicatrizes não serão esquecidas.

As feridas das batalhas travadas se prolongam por todo o corpo.

Remédios não são suficientes.

São drogas viciantes e sem fim.

Adiam a minha dor, mas não o meu sofrimento.



Os espinhos cravados em meus pés são apenas o início.

Do dia em que resolvi viver.

Minha mente conturbada não consegue mais ver.

O que há por dentro é bem melhor.

Mais bonito.

Colorido e infinito.

Mas você fechou os olhos.

E não vê minhas feridas, cortes e arranhões.

Que eu fiz.

Apenas pra chamar a sua atenção.

Finnegan.

Um comentário:

Onslaught disse...

oummm... texto lindo amore ^^
vc é fodonaaaaaaaaaaa!!! =D